Faculdade São Luís de França

PÓS-GRADUAÇÃO
2018.2

Inovação e Práticas Pedagógicas

Diferenciais do Curso

Será um curso lato sensu que relaciona educação, inovação tecnológica e inclusão com reflexões críticas acerca da necessidade de inovação da práxis docente diante das mudanças tecnológicas, econômicas, ambientais, sociais e culturais que afetam a educação.

Está esperando o que?Inscreva-se já na Pós-Graduação FSLF

Características

  • Carga Horária 360 horas
  • Periodicidade Um encontro semanal às sextas-feiras ou Um encontro mensal aos finais de semana (sábado e domingo)
  • Horário Sábado: 07h às 12h e das 13h às 18h* Domingo: 07h às 12h e das 13h às 18h* Sextas-feiras: das 18h às 22hSextas-feiras: das 18h às 22h OU Sábado e Domingo: 08h às 12h e das 13h às 18h
  • Local Faculdade São Luís de França - Aracaju
  • Investimento Matrícula + 20 parcelas de R$ 222,00
  • Benefício 10% de desconto para pagamentos efetuados até a data do vencimento. Descontos especiais para egressos do grupo Tiradentes e de empresas conveniadas.

Sua empresa é conveniada?Confira se sua empresa é conveniada com a FSLF

Informações do Curso

Objetivo Geral • Qualificar profissionais para atuarem no âmbito da Educação tendo sua práxis com ênfase na inovação da aprendizagem a partir de metodologias ativas e participativas (Contribuindo com a existência de profissionais que promovam ações reflexivas e que tenham práxis transformadora no âmbito educacional atendendo as necessidades tecnológicas e sociais atuais). Objetivos Específicos • Compreender os métodos, pressupostos e as ferramentas que possibilitam o desenvolvimento de estratégias pedagógicas inovadoras no processo de aprendizagem; • Desenvolver conhecimentos, habilidades, atitudes e valores pertinentes a inovação da prática docente, englobando sua ação pedagógica, o processo de aprendizagem, a inclusão tecnológica, a avalição e a gestão. • Possibilitar uma formação docente onde a práxis do professor/educador seja construída a partir de metodologias críticas, democráticas, ativas, participativas, inclusivas, ambientais e socialmente responsáveis com as inovações educacionais e tecnológicas atuais considerando também os aspectos culturais, políticos e econômicos da sociedade.
Professores, pedagogos, e demais profissionais ligados à área de educação, interessados em ministrar aulas na educação básica e/ou no ensino superior.
A metodologia do curso será desenvolvida a partir de atividades teóricas e práticas que contemplarão aulas críticas, expositivas, debates, estudos de casos, seminários e outras dinâmicas adequadas a cada momento pedagógico que, culminarão ao final do curso com a produção de um artigo científico. As aulas ocorrerão na Faculdade São Luís de França.
DISCIPLINA CARGA HORÁRIA (horas) EMENTA
Metodologia do Trabalho Científico 20 Fichamento, resenha, leitura e interpretação de texto. Construção de referências bibliográficas. Métodos e técnicas de pesquisa. Observação sistemática e assistemática. Elaboração de projeto e artigo científico. Tipos de Pesquisa e Organização do trabalho Científico.  
Didática e Metodologia do Ensino Superior 20 Discutir as exigências atuais para atuação docente superior; reconstruir uma breve trajetória da gênese histórica da Didática; debater os aspectos multidimensionais da Didática e Metodologia do Ensino; refletir sobre a identidade, a mediação e os saberes produzidos no espaço de formação e atuação docente; analisar as finalidades da docência superior; discutir o papel dos professores (AÇÃO) em confluência com os modelos ideológicos; lançar um “novo olhar” sobre as perspectivas do processo de aprender-ensinar (ENSINAGEM).
Fundamentos Políticos Pedagógicos 20 História da Educação. Tendências Pedagógicas. Conceito de Inovação. Inovação e Educação no Brasil e no Mundo. Currículo. A formação docente e as propostas das diretrizes curriculares para inclusão da inovação e da tecnologia.
Metodologias Inovadoras para a Educação (Pressupostos) 20 Conceito de Metodologia ativa. Conceito de Metodologia Participativa. Pressupostos sobre a “Educação para Todos”. Inclusão e Inovação.
Tecnologia, Inovação e Educação 20 Conceito de Tecnologia. Tecnologia, Inovação e Educação. Pressupostos sobre Tecnologia e Meio ambiente. Conceito de Tecnologia Digital de Informação e Comunicação (TDIC). Educação à Distância. Inclusão e Exclusão Digital. Lei Brasileira de Inclusão (LBI). Conceito de Cibercultura. Tecnologia Assistiva.
Construção de Metodologia Participativa e ativa a partir da Tecnologia Digital de Informação e Comunicação (TDIC) 20 Construção de metodologia participativa e ativa a partir do uso da Tecnologia Digital de Informação e Comunicação (TDIC). Elaboração, Montagem e Organização do Stop Motion.
Processos de criação: mapas conceituais, peer instruction, estudo de casos, metodologia STEM Education 40 Conceito de mapas conceituais e suas funções no processo de ensino-aprendizagem; ferramentas para elaboração de mapas conceituais; Criação de mapas conceituais. Aprendizagem por pares (Peer Instruction). Utilização de estudos de caso processo de ensino-aprendizagem. Metodologia STEM Education.
Ensino Híbrido com foco na sala de aula invertida 20 Ensino híbrido. Sala de aula invertida. Origem e funcionamento da sala de aula invertida.  Integração do modelo FC-Flipped Classroom com metodologias ativas. Métodos ativos de aprendizagem. Como inverter a sala de aula.
Gestão e Inovação Educacional 20 Prática de gestão democrática na escola e na comunidade. A aprendizagem organizacional, a liderança e o trabalho em equipe. Dimensões pedagógicas, política e administrativa da gestão educacional. Fundamentos e ferramentas de gestão. Gestão escolar. Mediação de conflito.
Legislação da Educação Brasileira 20 Política educacional brasileira; A trajetória da Lei de Diretrizes e Bases da Educação. Plano Nacional de Educação. Parâmetros Curriculares Nacionais; Legislação educacional brasileira.
Avaliação educacional 40 Concepções e correntes da avaliação educacional no Brasil. Sistema de Avaliação da Educação Básica. Técnicas de avaliação. Pressupostos teóricos e metodológicos da avaliação educacional no ensino superior. As relações técnico-político-pedagógicas da prática avaliativa. Planejamento, execução e avaliação no meio acadêmico. Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior.
Planejamento Educacional 20 Planejamento Educacional, Curricular e de Ensino.
Prática de Ensino 20 Organização e Planejamento da Prática Pedagógica no ensino superior. Orientação do processo de ensino-aprendizagem a partir da caracterização e da problematização da ação docente na prática efetiva em sala de aula. Criação de metodologias ativas e participativas para o processo de aprendizagem.
Pedagogia Waldorf 20 Conceito de Antroposofia. Concepção de desenvolvimento do ser humano introduzida por Rudolf Steiner. Aspecto físico, anímico (psicoemocional) e espiritual, de acordo com as características e faixa etária. O ensino teórico acompanhado pelo prático, com grande enfoque nas atividades corpóreas (ação), artísticas e artesanais; o cultivo das atividades do pensar inicia-se com o exercício da imaginação, do conhecimento dos contos, lendas e mitos.
Seminário de Pesquisa 40 Fundamentos metodológicos para elaboração do artigo. Elementos básicos constituintes do artigo. Manual de Normas da Instituição e ABNT. Brainstorm. Definição do tema de pesquisa e elaboração do artigo científico.
Trabalho de Conclusão de Curso - O trabalho de conclusão de curso consiste na elaboração individual de um artigo científico, orientado por um professor do curso.
Total 360  
Faculdade São Luís de França
(79) 3214-6300